domingo, 5 de junho de 2011

14:-06

.

E o verbo mais nobre
que era o verbo AMAR

virou verbo corriqueiro,
tipo ir à farmácia comprar aspirina C
e CAMA.

Amar virou menos que gostar.

*

3 comentários:

Fernanda Barcellos disse...

Concordo.

Tá tudo tão banal, sentimentos banais, pessoas banais.

Beijos

Adriana ♣* disse...

:(

concordo!

Etiene disse...

Amar virou -- Bom dia!!


=/


Beijuss