domingo, 6 de novembro de 2011

11:11

.


Eu não gosto de flores compradas
Eu gosto de flores roubadas
Apanhadas de um qualquer jardim,

Eu as prefiro, sobremaneira,
Quando são tuas mãos sorrateiras,
Que as trazem pra mim
Amarradas num laço de cetim.


*

Nenhum comentário: