terça-feira, 13 de dezembro de 2011

12:00






Há tanta energia emanada
no encaixe amoroso de dois corpos
que se fosse possível vê-la
veríamos a dança da Aurora Boreal

[quando o melhor momento de dentro se encaixa com melhor momento de fora]
*

Nenhum comentário: