sexta-feira, 29 de abril de 2011

23:29

.

Há qualquer coisa de irresistível
no olhar no jeito na manha na segurança
nas horas nos dias nas vésperas nos amanhãs

 no depois de um coração ousado.



*

quinta-feira, 28 de abril de 2011

02:08

.


Aqui dentro é sempre
VÉSPERA


*

quarta-feira, 27 de abril de 2011

11:28

.

E se tudo for inverso do que entendi nos teus versos?!...
E se de tudo já pensei? Mentira, verdade, e derivados infinitos
qual o contrário da incapacidade de entender?

_ Ah!, sei lá,
se fosse hoje,
(olhe bem, ainda é hoje até meia noite)
eu largava de pensar e corria pra teus braços
carregando o meu sim.

SIM

*

terça-feira, 26 de abril de 2011

21:08

.

Ele é muito lindo indo,
mas ele é muito mais lindo,
vindo

ao MEU ENCONTRO.

*

21:00

.


_ Socoooorro!


*

sábado, 23 de abril de 2011

17:17

.

A casa perfeita
é como a alma,

tem que ser leve
para carregar pra qualquer parte do mundo.

[Gypsy Soul]


*

sexta-feira, 22 de abril de 2011

12:40

.

Como assim pra que dançar?

 _ Danço meus passos tortos, mas,sobretudo,
danço pra que a vida saiba que não precisa
me fazer "dançar".

Não gostou do meu bailado?
_ é só olhar para o outro lado!


*

quarta-feira, 20 de abril de 2011

23:23



Numa festa genial!


*

22:22

.


Gaste seu dinheiro com sonhos!


*

22:26

.

Por onde eu ando?

Eu ando pendurada na cauda de um cometa
que me leva de noite, mar adentro, visitar os
segredos do mar, e de lá, por onde ando,
tenho vontade de não sair mais.

Eu ando pendurada na cauda de um cometa
que tem por céu, o mar.


*

segunda-feira, 18 de abril de 2011

23:08

.


"Cada átomo que me pertence,
pertence também a você."



*

18:18

.

Caixa vazia
poeira fina
uma voz fria
brada e avisa:

_ Já fechou, menina
tenta outro dia!


*

18:04

.

Há sempre algo de muito divino
nos lugares mais inusitados,

nos lugares menos esperados
e até bem embaixo de nossos narizinhos

empinados.

*

domingo, 17 de abril de 2011

15:58

.

E o assunto de hoje é:
A Mente Masculina

_ Vamos falar de sexo?

*

sábado, 16 de abril de 2011

18:28

.

Um abraço de tanto tempo
dói cada ferida que somente ele,

O ABRAÇO DE TANTO TEMPO

é capaz de perdoar.


*

16:00



 
E essa adolescência TARDIA

de becos/
 de noites/
 de ruas/
 de escuros/
 de medos/
 de feridas/
 de ilusões/

_ que parece nunca querer me largar!...


*

quarta-feira, 13 de abril de 2011

19:44




*

13:28



Eu nasci assim/
Eu cresci assim/
Eu sou sempre assim/
E nem Gabriela eu sou

Imperfeita imperfeição,
ainda assim, posso ser PERFEITA pra você!

[Do you believe?!...]

*

terça-feira, 12 de abril de 2011

19:28


.

Pra que tanta tensão
Pra que tanto receio
 Pra que tanta dificuldade

pra falar de coisas que a gente já sabe decór?

O que interessa entre nós é:
_ qual a palavra que nunca foi dita?...

*

sábado, 9 de abril de 2011

18:45

.


E SE AS HORAS SE APAIXONASSEM PERDIDAMENTE?


[estaríamos perdidos?...]



*

sexta-feira, 8 de abril de 2011

19:40

.


" Inventei viagens tolas
 e verdades IMPOSSÍVEIS
só pra ter você por perto..."


*



12:58

.


Sinto inveja de todo o resto que a mim me escapa pra teu redor desesperadamente próximos como o cheiro de teu nome nas minha ideias.


Sinto inveja do sol e do chão, de um porque te toca e outro deixa tocar, assim, tão, comumente próximos... Mas sabem de mim das coisas? Sou eu teu corpo quando te tomo toda em bordado e te visto de saudade pra que no Balanço das Horas te possa ninar, e mimo.


E, fatalmente, digo em um riso só: ninguém mais tem. Ah! sim, me invejam bem.


YERATOT GUSTAV


[Do poético lírico e único http://trancage.blogspot.com/ ]


*

quarta-feira, 6 de abril de 2011

00:00

.



Quanto mais conheço os homens mais gosto da minha cama só minha.


AFFF!


[God save the bed]


*

23:34

.


Toda mulher, no fundo, sonha com um homem com ares de super herói.


[Desculpe, querido, mas isso, é FATO]


*

12:58

A ALEGRIA


parece ter uma engrenagem complexa mas com alguns empurrões de boa vontade ela acaba pegando, mesmo que aos trancos e barrancos.


[Tem que suar!]


*

domingo, 3 de abril de 2011

14:40

.


Por quê eu gosto dele?

_ Porquê só ele é assim, oras!


[Assim, apaixonado por mim]



*

14:11



_ A cidade e eu nunca nos gostamos muito.


[Beatrix Potter]


É que as cidades gostam "dos que se acham" e estranham os que apenas "se procuram".


As cidades (parecem) não gostar dos CURIOSOS


*