domingo, 31 de julho de 2011

20:08

.

E você,
vem?

_ E você vem!


[Prefiro exclamações]


*

19:09

.

"...e adoro os efeitos sonoros de quando
você sussurra absurdos no ouvido do meu coração."


[Luiz Felipe Leprevost]


*

15:00

.

E que graça haveria
não fossem os enigmas,
os mistérios, os segredos?

tudo que escapa,
porta a magia da verdadeira LÓGICA


*

segunda-feira, 25 de julho de 2011

02:08

.


Então você alcança minha boca
e finalmente,
TUDO FAZ SENTIDO


*

23:43

.

Se eu pudesse dizer,
eu diria:

_ é preciso saber oque se quer,
e sobretudo, é preciso saber pedir.


*

23:23

.


Pode-se alcançar tudo,
basta fazer a ponte.

A PONTE


*

domingo, 24 de julho de 2011

14:14

.

_ Entendo, respondeu, mas o que devo fazer?
_ DANCE!, respondeu.
Continue a dançar, dance enquanto houver música, e mesmo que a música pare.
Compreende oque estou dizendo?
Você deve dançar. Dançar sem mais perguntas, sem querer porquês, não deve
pensar em significados ou razões, isso não importa.
Se te mete a pensar nisso, seus pés bloqueiam, travam, e se você perder o ritmo,
eu não poderei fazer nada por você. Todas as tuas ligações serão interrompidas,
acabarão para sempre e você viverá só no mundo. Para sempre. Não há como
voltar atrás porque seus pés te levarão ao chão. Por isso, dance!
Se alguém te fizer sentir uma tola, não pense, não reaja, um passo depois do outro
e continue a dançar. Tudo que parece não acontecer será assim alcançado, um passo
depois do outro, continue a dançar.
Para certas coisas o agora nunca é tarde e, mesmo que seja, insista. Faz o teu melhor,
não tenha medo de nada.
Você está cansado e confuso, está fazendo tudo errado e por isso, seus pés parecem
travados, mas isso não importa. Não espere mais nada, apenas, dance, dance, dance.


Haruki Murakam/ Dance, Dance
[Tradução Livre]


*

12:12

.

E se você me encontrar
cuida de não me perder

pois eu me perco muito fácil...


*

sexta-feira, 22 de julho de 2011

quinta-feira, 21 de julho de 2011

11:00

.

Às vezes eu acordo
como se tivesse dormido com os anjos,

e a vontade que dá
é sair beijando o rosto do dia.


Bom Dia!


*

segunda-feira, 18 de julho de 2011

00:00

.

Pode a distância aproximar?

_ Sim!
a distância nos APROXIMA
nos iguala, nos conecta, nos acalma

mesmo que oque a sustente
sejam ideias ilusórias,
distorcidas, confusas

nossa distância é efêmera
como são as bolhas de sabão,

duram o tempo de um sopro,
mas guardam a eternidade do encanto,
feito a saudade que nunca se acaba não.


*

sábado, 16 de julho de 2011

20:10

.

As asas da liberdade
são tecidas com fios de alegria,

ou melhor,

as asas da alegria,
são tecidas com fios de liberdade,

ou tudo isso junto,
com direito ao riso, ao grito,
ao g i r a m u n d o .


*

quarta-feira, 13 de julho de 2011

17:17

.

È a pergunta que eu me faço
todo santo dia:

_ O que é que eu quero, afinal?...


*

segunda-feira, 11 de julho de 2011

12:50

.

Sonhei que eu tinha cara de camelo,
oque faz muito sentido, pois os camelos são tristes
e carregam o peso do mundo nas costas,

se eu fosse fofa,
talvez tivesse sonhado que tinha cara de coelhinha,
mas isso é coisa para os felizes, que como se sabe
são sempre os mais bonitos.


*

sábado, 9 de julho de 2011

00:00

.

E sua alma
era só uma sombra

que dançava
só.


*

sexta-feira, 8 de julho de 2011

12:09

.

Que nunca te falte
a poesia de uma janela,

de muitas janelas, de todas as janelas,
todas abertas, bonitas, vestidas de chita
molduras de um mundo enorme que te quer.


*

12:00

terça-feira, 5 de julho de 2011

00:01

.


FLANÊUSE:

Aquele(a) que adora vagar pelas ruas


*

23:46

.


"Não faz pergunta difìcil!..."


*

23:43

.

Seu presente será
uma LENTE DE AUMENTO

para que você consiga ver a raridade
que existe dentro um momento real

a acrobática vertigem que uma simples
tarde de inverno em sua companhia pode,
em mim
causar.

[O Simples, causa!]


*

sexta-feira, 1 de julho de 2011

22:42

.

Nhác!


*