quarta-feira, 28 de setembro de 2011

20:18

.

São tantos pedaços de mim
esparramados

fazendo passos em calçadas alheias

eu só me junto,
fragmento por fragmento
caco por caco
dor por dor
quando só estou

 é essa de mim
que eu te entrego
todas as  noites,

depois da reza, da vela
e da novela recapitulada
que virou minha vida
SEM VOCÊ


*

20:04

.

"Ouvi sua voz numa fotografia
Eu imaginava que trouxesse o passado,
Uma vez que você sabe,
Que não há como voltar!
Preciso ficar do outro lado..."

[I don't believe]


*

sábado, 24 de setembro de 2011

00:00

.

Faltou a palavra
que só pode ser dita
no calor dos meus braços.

_ eu disse!

Qual foi a palavra que você
não entendeu
naquele abraço?...

_ Me diga!

*

23:15

.

Capital Inicial
in Rock in Rio 2011

[do caralho!]


*

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

19:19

.

Tem vezes na vida
que o melhor dos prazeres

só se alcança se a gente
dér uma PARADINHA

Não é vero?


*

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

23:10

.

A gente precisa de uma coragem maior
uma coragem escancarada
uma coragem arriscada
um coragem ousada

de sair e gritar de dentro pra fora
acreditando, ainda que sangre
que doa, que atordoe,

que a canção está certa,

QUE O BOM DA VIDA
VAI COMEÇAR

[ou continuar...]


*

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

20:30

.

Eu poderia lembrar das tempestades, mas eu me pergunto:
_ para quê?...
se eu posso criar calmarias no meu próprio coração?


*

20:20

.

Vamos acordar Primavera
curtir Primavera, nascer Primavera

vamos cruzar Primaveras?!...


*

domingo, 18 de setembro de 2011

12:22

Amar o mar
é o amor maior,
ama-se na liberdade,
dele, do mar,  pois

não há como trazer um pouco de mar num frasquinho,
ele só é mar por ser imensidão, abrangência, doação ampla

No entanto, é o  MELHOR DOS AMANTES,
"dele sempre se terá tudo de novo",
não há pecado em amá-lo
nem em ter meu corpo preenchido por ele,
reserva inesgotável de prazer e sal da vida.

Ah! quem me dera tê-lo aos pés agora,
por ti, sigo o caminho das pedras...!


*

12:10

.

" De repente ela não suportou mais e telefonou para ele:
_ Que é que eu faço, é de noite e eu estou viva. Estar viva está me matando
aos poucos, e eu estou toda alerta no escuro.
Houve uma pausa, ela chegou a pensar que ele não ouvira. Então, ele disse com
voz calma e apaziguante:

_ AGUENTE!"

[Clarice Lispector]


*

11:58

.

Eu sei como é, meu anjo
esperar nos fragiliza, nos frustra, nos reduz

viramos, todos, pobres crianças pequenas
NAS AGONIAS DA ESPERA

[por mais delicadas que sejam, as esperas]


*

terça-feira, 13 de setembro de 2011

20:08

.

_ Quer colocar seus passos
para passear comigo?

Os passos que passeiam
são  mais bonitos quando
dados JUNTOS.


*

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

18:48

.

A simpatia da simpatia:

De bum-bum virado para lua
quer dizer : tem sorte

Então,
em noite da lua maior
reza a simpatia que deve-se mostrar o bum-bum
para a lua, ritualizando com o verso:
SORTE PRA MIM, SORTE PRA MIM!

[porquê sorte e levezas nunca são demais]


*

11:44

.

E essa saudade preguiçosa que não se mexe
e quando o faz, so faz
sapatear e  S A R A C O T E A R

pelos ventrículos do meu pobre coração.


[Passam-se dias e noites, só não passa essa tal perturbação]


*

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

23:30

.

Meu amor,
deixa o tempo te arrastar
PRA MIM


*

19:09

.

Há dias em que a festa
parece estar naquela rua

uma conjunção de corações dançarinos
cabeças de brisa e corpos inquietos

Há dias em que as pessoas lembram estrelas
e aquela rua, um bom pedaço de céu.


[Junto-me à eles]


*

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

08:02

.

Tudo que eu faço de conta
é da sua conta, meu amor!


Hoje, por exemplo,
estou de fazendo de conta
que um colar de contas
chove cores sobre nós...

[AMOR]


*

14:14

.

"Lóri, Lóri, ouça:
_ pode-se aprender tudo, inclusive a amar!
E o mais estranho, Lóri,
pode-se aprender a ter alegria!"



*

13:35

CARTA

E então você não quis nada disso. E parou com a possibilidade de dor, o que nunca se faz impunemente. Apenas parou e nada encontrou além disso. Eu não digo que eu tenha muito, mas tenho ainda a procura intensa e uma esperança violenta. Não esta sua voz baixa e doce. E eu não choro, se for preciso um dia eu grito. Estou em plena luta e muito mais perto do que se chama de pobre vitória humana do que você, mas é vitória. Eu já poderia ter você com o meu corpo e minha alma. Esperarei nem que sejam anos que você também tenha corpo-alma para amar. Nós ainda somos moços, podemos perder algum tempo sem perder a vida inteira. Mas OLHE para todos ao seu redor e VEJA O QUE TEMOS FEITO DE NÓS e a isso considerado VITÓRIA NOSSA de cada dia. NÃO TEMOS AMADO ACIMA DE TODAS AS COISAS. Não temos aceito o que não se entende porque não queremos passar por tolos. TEMOS AMONTOADO COISAS E SEGURANÇAS POR NÃO TERMOS UM AO OUTRO. Não temos nenhuma alegria que já não tenha sido catalogada. Temos contruído catedrais, e ficado do lado de fora, pois as catedrais que nós mesmos construímos, tememos que sejam armadilhas. Não nos temos entregue a nós mesmos, pois isso seria o começo de uma vida larga E NÓS A TEMEMOS. Temos evitado cair de joelhos diante do primeiro de nós que POR AMOR diga: tens medo. Não temos usado a palavra amor para não termos de reconhecer sua contextura de ódio, de amor, de ciúme e de tantos outros contraditórios. Temos mantido em segredo a nossa morte para tornar nossa vida possível. Temos disfarçado com o pequeno medo o grande medo maior e por isso nunca falamo do que realmente importa. Não temos sido puros e ingênuos para não rirmos de nós mesmos e para que no fim do dia possamos dizer 'pelo menos não fui tolo', e assim não ficarmos perplexos antes de apagar a luz. Temos sorrido em público do que não sorriríamos quando ficássemos sozinhos. TEMOS CHAMADO DE FRAQUEZA A NOSSA CANDURA. TEMOS TEMIDO UM AO OUTRO ACIMA DE TUDO. E a tudo isso consideramos a vitória nossa de cada dia. Mas eu escapei disso, escapei com a ferocidade com que se escapa da peste, e ESPERAREI ATÉ VOCÊ TAMBÉM ESTAR PRONTA.

[De Ulisses para Lóri, em O Livro dos Prazeres, Clarice Lispector]

PERFECT

*

terça-feira, 6 de setembro de 2011

20:28

.

"Existe um ser que mora dentro de mim
como se fosse casa dele, e è... "


_Clarice Lispector


[Habite-me]


*

20:20

.

"Se não há coragem
que não se entre"

ESPERE!


*

18:04

.


Mais do que ser grande
a gente precisa aprender a ser PEQUENO

porquê não há como escapar da gente mesmo.
Muitas vezes oque nos salva é,
justamente, a nossa INEVITÁVEL pequenez.


*

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

18:08

.

Ato falho:

quando vejo,
meus pés já estão me levando pra você

[Pés mimados...]


*

sábado, 3 de setembro de 2011

15:51

.

Um Desejo:

Eu desejo que o seu próximo sorriso
seja de INCREDUALIDADE


*

15:45

.

É preciso que se ame
com  a   FORÇA DA VIDA

É preciso que se ame
como se fosse VIDA


*

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

16:22

.

E finalmente dei-me conta
da única coisa que a mim cabia fazer:
NADA


[ Exceto, esperar você]


*

16:10

.

E vê se você consegue me responder:

_ será possível que estejamos aqui para
s i m p l e s m e n t e   n ã o   p o d e r   s e r  ? . . .


*

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

19:09

.

O vai-e-vem
do Mar confunde-me a ponto
de em certo ponto não saber mais
se quem vai de volta sou eu
ou se quem fica ali é ele,

passo então a sentir-nos como
um só.

[Ou qualquer coisa assim parecida...]


*