quinta-feira, 26 de abril de 2012

19:19

.

Ele não era só o seu amor de verdade. Era o seu amor de mentira. Seu amor inventado. Seu amor de dormir. De ficar acordado. Seu amor de estar junto. Seu amor separado. Era amor no espelho. De outro ser espelhado. Era amor se trincado. E até mesmo quebrado. Era amor escancarado. Mesmo  tão bem guardado. Ele era o seu amor esperado. Era seu amor de passado. De todo sonho sonhado. Amor de olhos abertos e de corpos colados. Ele não era só o início da história. Era a  história contada. História de muitos começos,  história pra ser recontada. Ele não era só a o seu amor. Ele era oque nunca se acaba.

*

Um comentário:

JasonJr. disse...

♪...♫...♪... "Taj mahallll, Taj Mahallll" ...♪...♫...♪...