quinta-feira, 26 de abril de 2012

23:23

.


é um alívio pensar que
sendo eu, só eu mesma no mundo,
não tenho como  me perder de mim.

Comigo mesma, nunca fico perdida!


*

Nenhum comentário: