quarta-feira, 10 de outubro de 2012

15:35

.

Não há felicidade mais obscena
do que a das pequenas intimidades amorosas:

é justamente quando a vida se encaixa no Amor.


*





Um comentário:

Maria Rita disse...

...e assim se funde a alma com a carne.

bj