terça-feira, 11 de dezembro de 2012

20:00

.

Caminhava rumo ao amor
como quem se aventura na noite de algum lugar desconhecido,

Estranhamento sentia-se no LUGAR CERTO


*

Nenhum comentário: