domingo, 29 de julho de 2012

15:08



.

A cor do hoje
vem da véspera.

_ Quantas cores tem a tua espera?


*

14:59

.

Onde há espera
há a inevitável presença da esperança,

Sendo que a esperança
é oque te faz dançar na chuva
de braços dados com uma alegria

VINDOURA

[E você pergunta: _ será que virá?...
Pelo sim, você dança.]


*

sábado, 28 de julho de 2012

22:45

.



Tem cabimento tantos
NÓS ?!...


*

quinta-feira, 26 de julho de 2012

11:40

.



_ Pode me informar as horas?
Consultou o relógio.
_ Meia-noite. Mas parece que está quebrado. Está parado.
Sorriram.
_ Não tem importância. Um relógio parado até que é bom:

DÁ A IMPRESSÃO QUE CONSEGUIMOS SAIR FORA DO TEMPO


[O Encontro Marcado/ Fernando Sabino]


Tremeu?!...



*

quarta-feira, 25 de julho de 2012

13:33

.

[é quando eu não arrumo os cabelos
que eles ficam bem do jeito que eu quero.]

Meus cabelos perfumados, estão prontos pra você:

_  mas seja gentil. Trate-me com ternura,
seja manso nos toques,
sussurre-me versos com tua voz suave...
Não te esqueças da luz das velas,
já passa da meia-noite...

O relógio, tão imponente quanto curioso,
 bate as doze badaladas:
é amor oque eu vejo nos teus olhos
cronometrados com os meus.

É o amor e o tempo.
E então, é você quem pede gentileza.
Não á mim, mas ao tempo
que faça o favor de se demorar...

 TEMPO E CABELOS AO VENTO


*


*


terça-feira, 24 de julho de 2012

19:19

.


Ele trazia na bagagem
o meu pedaço de paraíso.



*

19:00

.


Lógica:


Se oque havia antes de tudo era o paraíso
e perdemos o paraíso por causa de uma estúpida maçã;
eu preciso deixar registrado que não gosto de maçãs
e  quero o meu paraíso de volta!


*

13:40

.


Então,
que viver
acaba sendo fazer do imprevisto
um novo passo de dança,

e haja invencionices dançantes....


*

segunda-feira, 23 de julho de 2012

22:48

21:08

.


Que seria de nós sem o socorro do que não existe?

_ Paul Valéry



*

domingo, 22 de julho de 2012

20:08

.


em amor
orbitavam sorrisos

[vem sorrir pra mim?]


*

sábado, 21 de julho de 2012

11:54

.

Uma confissão:

é muito chato ser uma pessoa previsível,
mas o mais chato é que é absolutamente previsível
que isso não vai mudar.


*

sexta-feira, 20 de julho de 2012

18:08

.


Esse é o tipo de balanço que eu desejo pras tuas horas:
O BALANÇO DO MAR



*

terça-feira, 17 de julho de 2012

18:28

.


Coisas que simplesmente não fazem sentido:

uma
 noite
 cheia de chuva
você lá,
 e eu, aqui...


*

18:08

.


Estamos sempre nos perguntando:
_ falta muito?


*


domingo, 15 de julho de 2012

00:00



O amor não é dado à pausas. É vôo sem escala. E tem rumo certo.

Bon Voyage!



*

16:00

.



Enamoravam-se em espera
só pra esticar o prazer de se olhar...


[Esperas são provas de amor]


*

15:50

.


Promessa
é amor embrulhado pra presente,

a gente não vê a hora de abrir!



*

12:06

.


Nível de piração em ponto máximo:
é a prova dos nove:

não passa,
não vai passar,
n u n c a


*

sexta-feira, 13 de julho de 2012

18:50

.


Enquanto houver chuva caindo do céu
_ Eu prometo: serão tuas as minhas avenidas!


*

18:36






ATÉ O TEMPO TEM PRESSA DE CHEGAR

[onde você quer chegar?!...}


*

18:32

.

Até uma porta
quer ser mais que uma porta:

ela é madeira, que era árvore, que foi semente, que veio do céu.
ela é chegada, é de casa, é pra dentro, e é pra fora quando fora é pra ser bom.

Até uma porta
quer ser mais que uma porta.
Então, por favor,
_ não bata a porta!



*

sábado, 7 de julho de 2012

16:56

.



HAJA MAR PRA TANTO PEDIDO DE AMOR...




*

16:46

.

Desejo que você receba o telefonema da sua vida.
Evidentemente, desejo que a pessoa  do outro lado da linha
SEJA EU

dizendo, afinal, as palavras certas.


[Feliz Aniversário! Na sua ou na minha casa?!]


*

16:36

quinta-feira, 5 de julho de 2012

23:59

.



Eu
venho aqui
escrevo um monte de bobagens
arranho um verbo, uma rima, uma coisa qualquer
e depois vou embora,
eu, contraditória


que só quero fazer um pouco de companhia
pra mim.



*

quarta-feira, 4 de julho de 2012

13:20

.

Eu desejo que nunca te falte
o carinho dos momentos pequenos:

que eles sejam tantos
que você nem note que os grandes momentos são só ilusão.


*

13:14

.

é inútil buscar a verdade como algo absoluto.
a verdade, na verdade, é maleável, caleidoscópica, caprichosa até,

a verdade pode ser uma mentira, um engano, um desejo, uma conveniência,
a verdade, na verdade, nos enrola, e se mata de rir de nós. De todos, nós.

[você tem uma grande verdade?...]


*

domingo, 1 de julho de 2012

21:02

.



Uma coisa bonita que se possa dizer e que nos sirva de ponte:
_ Ainda não perdi a esperança em você!



*