quarta-feira, 1 de maio de 2013

14:00

.

Um homem tem muitas qualidades.
O poeta, tem todas:
_ ele cria!


A CRIA DE UM POETA

"Ir à frente. Ao lado. Seguir-te.
Ter-te quando me carrega,
Nos dias turvos, lá dentro,
em meio aos brônquios e as
curvas intestinais...
Viajar e estar contigo,
onde quer que seja...
Parecer às vezes uma ampliação tua,
às vezes um reduzido,
difuso mas colado,
sempre à borda dos teus sapatos,
sob a aba do teu chapéu inútil,
entre teus peitos redondos,
o desenho da tua bunda...
Sentir que você me olha
deitado na areia da praia
enquanto a onda vem e volta
e isso ser o desenho maior
da minha própria felicidade...

Ser a tua marca
na outra margem do caminho
que você não toca...
Te ajudar a enxergar as respostas
Ser teu cão
Tua acolhida
Teu manobrista
Mensageiro
Teu assessor para assuntos espetaculares
Teu eco
Teu burro
Porta-tudo
Teu muro de lamentações
Teu vassalo...
E se dizem que é pouco
é porque desconhecem o grandioso
que é cumprir junto a ti este percurso
teu tão justo pela terra
sob a simples responsabilidade
de fazer o melhor café
o melhor oral
a leitura mais cuidada dos teus textos
O maior sorriso de bom dia!..."

[Do poeta que não tem medo da alegria]


*


Nenhum comentário: