sábado, 25 de maio de 2013

16:02

.

Às vezes nem é por querer,
mas desconserta,

a palavra é fio
que ata,
ou desata,

que remenda
[ou tenta]
oque nem é de remendar

alinhava o verso
pra que na frente pareça inverso

rasgos de ilusão
retalhos de sonhos sem arrumação,

_ palavra,
tua palavra não me arruma,
tua palavra me desconcerta!


*

Nenhum comentário: