sábado, 19 de outubro de 2013

19:42

.


Sinto fome de palavras.
Sinto tanta fome de palavras, tuas.
Falta de sussurros. De garantias.
De garantias sussurradas aos pés dos meus ouvidos
que são teus,

sinto falta de você, dançando sozinho,
perdido no caminho, enquanto eu me consumo
em fome e desejo de você.


*

Nenhum comentário: