quinta-feira, 17 de março de 2016

23:13



.

Tudo tão quieto. Um silêncio que parece imensidão de algo prestes a se romper. Nem um pio. Nem das folhas. Nem dos bichinhos da noite. Nada. Uma semana insana. Num país de insanos. Irracionais enganos. Dia 17 de Março. Véspera de acontecimentos. Um gigante perseguido. Assaltos de esperança. Sustos sucessivos. A soberania por um triz. Será que era uma vez uma país... A gente querendo só ser feliz, e tudo ruindo, bem embaixo do nosso nariz.
 
Narizes, marquises, príncipes desencantados, uma corte mal assombrada, gente sendo enganada por excesso, esquecidos tempos de falta, onde nada era nada, hoje tudo é tão comum, ter, verbo que trai, distrai, rouba o foco, consumir, rir de tudo, há que se pagar, e o preço, é absurdo.
 
Camuflados. Flagelados já foi uma palavra presente. Ninguém lembra. Ingratidão. Cospe-se no prato que está cheio, por quem as panelas batem, estado de alerta, não fale, não diga, se contradiga, se disfarce, o perigo é a cor da camisa, vermelho sempre foi a cor proibida, a temporada de caça declarada nas páginas dos jornais.
 
Irracionais. Imorais. Perseguir virou sinônimo de se divertir. Joguem aos leões. Heróis em nós de gravatas estrangeiras, idolatrados são os símbolos de um poder que escraviza, mas o ego idealiza, ter, ter, ter, status, altivez, chega de mistura, a contra cultura, os 'vida dura' pra lá, os ditadura pra cá, a inescapável briga de classes, desde que o mundo é mundo, o submundo rege, ainda que vez ou outra algo pareça melhor.
 
 
Os cães ladram. A caravana passa. Noite de vigília. Que a passagem desta noite faça da manhã uma aurora que concilia. Reconcilia. Novo dia. Uma chance à ousadia dos que resistem, insistem que não se derrube o que tanto custou para estar.
 
As ruas. Um país. A batalha. Nos corações.


[p.s. solicitada licença cidadã]
 
 
 
*

2 comentários:

Madalena Fiodavida disse...

Um dia há de chegar...A harmonia será rainha.

Bjos Be; lindo blog!

Be Lins disse...

Que alegria receber um comentário seu, Madalena.
Fui retribuir no seu blog, mas ele está fechado.
Me adiciona lá.

Beijos, e obrigada!